contador de visitas gratis
  • PROMOÇÃO DE BATERIAS MOURA 

  • TROCA DE ÓLEO DE MOTOR 

  • CATALISADORES ORIGINAIS

  • PASTILHAS DE FREIO ORIGINAIS 

  • ALINHAMENTO E CAMBAGEM

  • LIMPEZA DE BICOS INJETORES

  • ESCAPAMENTOS MASTRA 

  • INJEÇÃO ELETRÔNICA

  • PRÉ-INSPEÇÃO VEICULAR

  • RADIADORES PARA IMPORTADOS

  • MECÂNICA GERAL

  • AMORTECEDORES COFAP

  • SERVIÇOS DE SUSPENSÃO

  • DISCOS DE FREIO P/ IMPORTADOS

  • PNEUS NOVOS PIRELLI

  • TROCA DE CORREIAS DENTADA

  • RETÍFICA DE MOTORES

  • DIAGNÓSTICO COMPUTADORIZADO

A troca de óleo requer espaço adequado, equipamentos específicos além de profissionais capacitados.

Na Caçula de Pneus, você receberá atendimento personalizado, qualificado, ágil, limpo e com o máximo de conforto possível.

 

IMPORTANTE – TROCA DE ÓLEO


1. Consulte o manual do fabricante para saber as especificações do lubrificante e a periodicidade de troca;

2. Através da vareta de óleo do motor faça uma verificação periódica do nível;

3. Para evitar prejuízos ao motor por excesso ou falta de lubrificante, mantenha o nível entre marcações de máximo e mínimo indicadas na vareta de óleo.

4. Ao completar o nível utilize um lubrificante de mesmas características e especificações que o presente no motor.

5. Substitua o filtro de óleo a cada troca de óleo.

 

Muitas pessoas não sabem o significado dos números com um “W” no rótulo dos lubrificantes. Esses números fazem parte da uma classificação da SAE (Society of Automotive Engineers ) que faz referência a viscosidade dos óleos a 100oC. Cada um dos números representa um escala: baixa temperatura, antes do “W”, e alta temperatura, que está localizada depois do “W”. A letras “W” vem da palavra Winter, que em português significa inverno.

Essa numeração é importante pois ela vai indicar o óleo ideal para o seu carro ou o melhor para substituição, pois quanto maior o número, maior a viscosidade do óleo para lidar com altas temperaturas e vice-versa. Por exemplo, se seu carro requer um óleo 15W40, e você não encontra no posto de gasolina, você sempre pode optar por um óleo cujo o número anterior seja menor que 15 e o posterior seja maior que 40. Fazendo isso, você garante que o óleo vai suportar baixas temperaturas sem solidificar-se ou prejudicar a bombealidade. O contrário não é recomendado.


Filtro de óleo: Evita que partículas metálicas liberadas pelo desgaste natural das peças atinjam partes móveis do motor.
 Troca do filtro aconselhada: entre 20 mil e 30 mil Km

 Condição dos filtros:
 Filtros sujos e/ou de baixa qualidade significam contaminação prematura. Também devem ser substituídos periodicamente. À medida que se utiliza um veículo, a quantidade de contaminantes no óleo vai aumentando. Como os produtos da combustão são formados continuamente, e, conseqüentemente, absorvidos pelo óleo, torna-se cada vez mais difícil para o óleo proteger e lubrificar o motor.

 Dicas:
  Uma boa dica é trocar o filtro de óleo sempre que trocar o óleo. Mesmo que seja utilizado um filtro de qualidade, e limpo, e o mesmo seja eficaz na remoção de abrasivos do óleo, ele não será capaz de filtrar o óleo diluído por combustível, água ou outras fontes de contaminação liquida, que são fatores que contribuem para a degradação do óleo. O óleo e os filtros (de ar, óleo e combustível) precisam, então, serem trocados em intervalos adequados recomendados pelo manual de seu veículo. Consulte-o sempre.

Comentários (0)

500 caracteres restantes

Cancel or